MAES SOLTEIRAS

Uns consideram-nos guerreiras e outros olham-nos de canto! Não é fácil ser mãe solteira, mas nós conseguimos!

Ganhe dinheiro!!

Ganhe dinheiro!!!

Ganhe dinheiro!!!!

Ganhe dinheiro!!!

Ganhe dinheiro!!!!


    Anedotas...

    Compartilhe
    avatar
    Monalis@

    Número de Mensagens : 206
    Data de inscrição : 25/01/2009

    Anedotas...

    Mensagem por Monalis@ em Ter Fev 03, 2009 8:38 pm

    Um tipo decide vender o carro e, como já é usual, utiliza o método de colocar um anúncio com o nº de telemóvel no vidro traseiro do carro.

    Dirige-se para o trabalho e conduz muito tranquilamente a 50Km/h.

    De repente toca o telemóvel:

    - Bom dia, fala de uma unidade móvel da Brigada de Trânsito da G.N.R. e estamos atrás de si. O senhor não sabe que é proibido atender o telemóvel enquanto conduz? Encoste por favor!

    lol!


    _________________
    avatar
    Monalis@

    Número de Mensagens : 206
    Data de inscrição : 25/01/2009

    Re: Anedotas...

    Mensagem por Monalis@ em Ter Fev 10, 2009 5:23 pm

    Um sujeito está numa entrevista para emprego.
    O psicólogo dirige-se ao candidato e diz:
    - Vou fazer-lhe o teste final para a sua admissão.
    - Perfeito! - diz o candidato.

    O psicólogo pergunta:
    - Você está numa estrada escura e vê ao longe dois faróis emparelhados a virem na sua direcção.O que acha que é?
    - Um carro. - diz o candidato.
    - Um carro é muito vago. Que tipo de carro? Um BMW, um Audi, um Volkswagen?
    - Não dá para saber, não é?
    - Hum... - diz o psicólogo, que continua:
    - Vou fazer-lhe outra pergunta: Você está na mesma estrada escura e vê só um farol a vir na sua
    direcção. O que é?
    - Uma mota - diz o candidato.
    - Sim, mas que tipo de mota? Uma Yamaha, uma Honda, uma Suzuki?
    - Sei lá, numa estrada escura, não dá para saber... (já meio nervoso)
    - Hum..., diz o psicólogo. Aqui vai a última pergunta:
    - Na mesma estrada escura você vê novamente um só farol, menor que o
    anterior, e você apercebe-se que vem mais lento. O que é?
    - Uma bicicleta.
    - Sim, mas que tipo de bicicleta? BTT, estrada, passeio...?
    - Não sei.
    - Lamento, mas reprovou no teste! - diz o psicólogo.

    Aí o candidato dirige-se ao psicólogo e fala:
    - Interessante esse teste. Posso fazer-lhe uma pergunta também?
    - Claro que pode. Pergunte!
    - Você está à noite numa rua iluminada. Vê uma mulher com maquilhagem carregada, vestidinho vermelho bem curto, a girar uma bolsinha... o que é?
    - Ah! - Diz o psicólogo - é uma p u t a.
    - Sim, mas que p u t a ? A sua irmã? A sua mulher? Ou a p u t a q u e o p a r i u ?


    _________________
    avatar
    Monalis@

    Número de Mensagens : 206
    Data de inscrição : 25/01/2009

    Re: Anedotas...

    Mensagem por Monalis@ em Dom Fev 15, 2009 4:05 pm

    Como as mulheres enlouquecem os homens

    Mulher - Onde vais?

    Homem - Vou sair um pouco.

    Mulher - Vais de carro?

    Homem - Sim.

    Mulher - Tem gasolina?

    Homem - Sim.... coloquei.

    Mulher - Vais demorar?

    Homem - Não... coisa de uma hora.

    Mulher - Vais a algum lugar específico?

    Homem - Não... só andar por aí.

    Mulher - Não preferes ir a pé?

    Homem - Não... vou de carro.

    Mulher - Traz-me um gelado!

    Homem - Trago... que sabor?

    Mulher - Morango.

    Homem - Ok... na volta pra casa eu passo na loja e compro.

    Mulher - Na volta?

    Homem - Sim... senão derrete.

    Mulher - Passa lá agora, compra e deixa aqui..

    Homem - Não... é melhor não! Na volta... é rápido!

    Mulher - Ahhhhh!

    Homem - Quando eu voltar eu como um contigo!

    Mulher - Mas tu não gostas de morango!

    Homem - Eu compro outro... de outro sabor.

    Mulher - Assim fica mais caro... traz de ananás!

    Homem - Eu também não gosto de ananás.

    Mulher - Traz de chocolate... nós os dois gostamos.

    Homem - Ok! Beijo... já venho....

    Mulher - Ei!

    Homem - O que é?

    Mulher - Chocolate não... Flocos...

    Homem - Não gosto de flocos!

    Mulher - Então traz de morango pra mim e do que quiseres pra ti.

    Homem - Foi o que eu sugeri desde o princípio!

    Mulher - Estás a ser irónico?

    Homem - Não, não tou! Vou indo.

    Mulher - Vem cá dar-me um beijo de despedida!

    Homem - Querida! Eu já venho... depois.

    Mulher - Depois não... quero agora!

    Homem - Tá bom! (Beijo.)

    Mulher - Vais no teu carro ou no meu?

    Homem - No meu.

    Mulher - Vai com o meu... tem leitor de cd... o teu não!

    Homem - Não vou ouvir música... vou espairecer...

    Mulher - Tás a precisar?

    Homem - Não sei... vou ver quando sair!

    Mulher - Não demores!

    Homem - É rápido... (Abre a porta de casa.)

    Mulher - Ei!

    Homem - Que foi agora?

    Mulher - Bolas!!! Que bruto! Vai, vai-te embora!

    Homem - Calma... estou a tentar sair e não consigo!

    Mulher - Por que queres ir sozinho? Vais-te encontrar com alguém?

    Homem - O que queres dizer com isso?

    Mulher - Nada... não quero dizer nada!

    Homem - Que é... achas que te estou a trair?

    Mulher - Não... claro que não... mas sabes como é?

    Homem - Como é o quê?

    Mulher - Homens!

    Homem - Generalizando ou falando de mim?

    Mulher - Generalizando.

    Homem - Então não é meu caso... sabes que eu não faria isso!

    Mulher - Tá bem... então vai.

    Homem - Vou.

    Mulher - Ei!

    Homem - Que foi, porra?

    Mulher - Leva o telémovel, estúpido!

    Homem - Pra quê? Pra ma estares sempre a ligar?

    Mulher - Não... caso aconteça algo, tens o telémovel.

    Homem - Não... deixa estar...

    Mulher - Olha... desculpa pela desconfiança, estou com saudades, só isso!

    Homem - Ok, meu amor... Desculpa-me se fui bruto. Amo-te muito!

    Mulher - Eu também! Posso cuscar no teu telémovel?

    Homem - Pra quê?

    Mulher - Sei lá! Jogar um joguinho!

    Homem - Queres o meu telémovel pra jogar?

    Mulher - É.

    Homem - Tens a certeza?

    Mulher - Sim.

    Homem - Liga o computador... tá cheio de joguinhos!

    Mulher - Não sei mexer naquela lata velha!

    Homem - Lata velha? Comprei-o o mês passado!

    Mulher - Tá..ok... então leva o telémovel senão eu vou cuscar...

    Homem - Podes mexer à vontade... não tem lá nada, mesmo...

    Mulher - É?

    Homem - É.

    Mulher - Então onde está?

    Homem - O quê?

    Mulher - O que deveria estar no telémovel mas não está...

    Homem - Como!?

    Mulher - Nada! Esquece!

    Homem - Tás nervosa?

    Mulher - Não... não tou...

    Homem - Então eu vou!

    Mulher - Ei!

    Homem - O que ééééééé, porra?

    Mulher - Já não quero o gelado!

    Homem - Ah é?

    Mulher - É!

    Homem - Então eu também já não vou sair!

    Mulher - Ah é?

    Homem - É.

    Mulher - Boa! Vais ficar aqui comigo?

    Homem - Não ...tou cansado... vou dormir!

    Mulher - Preferes dormir a ficar comigo?

    Homem - Não... vou dormir, só isso!

    Mulher - Estás nervoso?

    Homem - Claro, porra!!!

    Mulher - Porque é que não vais dar uma volta para espairecer?!?!...


    _________________
    avatar
    Monalis@

    Número de Mensagens : 206
    Data de inscrição : 25/01/2009

    Re: Anedotas...

    Mensagem por Monalis@ em Sex Maio 01, 2009 7:45 pm

    Vocês sabem a diferença entre o tratamento por tu e por você?
    Vocês pensam que sabem, mas vejam abaixo.
    Um pequeno exemplo, que ilustra bem a diferença:


    O Director Geral de um Banco, estava preocupado com um jovem e brilhante director, que depois de ter trabalhado durante algum tempo com ele, sem parar nem para almoçar, começou a ausentar-se ao meio-dia. Então o Director Geral do Banco chamou um detective e disse-lhe:
    - Siga o Dr. Mendes durante uma semana, durante a hora do almoço.
    O detective, após cumprir o que lhe havia sido pedido, voltou e informou:
    - O Dr. Mendes sai normalmente ao meio-dia, pega no seu carro, vai a sua casa almoçar, faz amor com a sua mulher, fuma um dos seus excelentes cubanos e regressa ao trabalho.
    Responde o Director Geral:
    - Ah, bom, antes assim. Não há nada de mal nisso.
    O detective pergunta-lhe:
    - Desculpe. Posso tratá-lo por tu?
    - 'Sim, claro' respondeu o Director surpreendido!
    - Então vou repetir : o Dr. Mendes sai normalmente ao meio-dia, pega no teu carro, vai a tua casa almoçar, faz amor com a tua mulher, fuma um dos teus excelentes cubanos e regressa ao trabalho.


    _________________

    Conteúdo patrocinado

    Re: Anedotas...

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Qui Ago 17, 2017 5:11 pm